Como fazer uma boa redação no ENEM e provas de Vestibular

Como fazer, redação, dicas, ENEM, provas, Vestibular

Veja dicas importantes de como fazer uma boa redação no ENEM e provas de Vestibular.

A prova de redação dos processos seletivos como o vestibular e o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) geralmente é uma das notas mais importantes para os alunos. Em muitos casos, zerar a prova de redação significa eliminação do concurso em questão, e mesmo as notas baixas podem acabar puxando a média geral dos estudantes para o chão.

O grande problema é que muitos estudantes simplesmente não conseguem entender como estudar para uma prova de redação. Além do conhecimento das regras do português, é de fundamental importância entender os diferentes tipos de redação que podem ser pedidas durante a prova. Confira outras dicas importantes para conseguir ir bem na redação do vestibular.

Atenção no que se pede

O primeiro passo é treinar bastante a interpretação do texto. Isso é de fundamental importância para que os estudantes consigam entender o que é solicitado no enunciado da questão. Além disso, também é importante entender bem a diferenças dos tipos de redação que podem ser solicitados no momento da prova. As mais comuns são as seguintes:

Descritiva – o estudante precisa descrever um determinado fato ou situação;
Explicativa – o estudante deve fornecer mais detalhes sobre um determinado assunto;
Opinativa – os estudantes devem se posicionar sobre algo.

Lembre-se também que uma redação pode ter mais de um dos elementos apresentados acima.

Pense em quem vai ler

É muito importante que os estudantes sempre escrevam pensando em como o leitor vai ler. Neste caso, colocar-se em outro ponto de vista é sempre muito útil.

Aposte no simples

Na redação para vestibular, os estudantes não serão analisados em termos de criatividade. Portanto, o mais confiável é apostar em uma estrutura simples, concisa e que passe realmente a mensagem desejada. Uma boa dica é estruturar a frase com a boa e velha fórmula do sujeito, verbo, predicado + o quê, quem, quando, onde, como, porquê.

O mesmo vale para o tamanho das frases. Nada muito curto que demonstre falta de argumentos e nada tão longo que demonstre uma necessidade de preencher espaços acima da apresentação de ideias concretas.

Revisão

Durante a revisão, leia a primeira vez pensando na amarração geral do texto em termos de estrutura entre os parágrafos, mais uma vez prestando atenção nas estruturas das frases, pontuações e acentuação e, por último, prestando atenção na grafia das palavras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*